sábado, 15 de outubro de 2016

POLÍCIA PRENDE 3 VEREADORES E 2 SUPLENTES EM TIMBÓ GRANDE


Os vereadores de Timbó Grande, Edson Luis dos Santos (PSDB), mais conhecido como Repórter, Neiva Guedes (PSDB) e Hélio Alves (PSD) foram presos na tarde desta quinta-feira, 13, acusados de falsidade ideológica e formação de quadrilha.

Foram presos, também, os suplentes de vereador, Alfredo Pereira da Luz e Adilson Guesser.

Eles são acusados de fraudar documentos e simular uma votação a fim de revogar uma lei que reprovava as contas de 2011 do ex-prefeito Valdir Cardoso (PSDB). Dessa forma, Cardoso que estava inelegível por oito anos, conseguiu se candidatar a prefeito nas eleições deste ano no Município. Acabou perdendo para Ary Galeski (PMDB).

Os cinco acusados foram encaminhados para o Presídio Regional de Caçador, onde devem ficar detidos temporariamente pelos próximos dez dias.


Dos cinco detidos, Neiva foi a recordista de votos nas eleições deste ano. Os demais não conseguiram se reeleger
.
Fonte/Autor: Edinei Wassoaski
Foto: Divulgaçã
o

Nenhum comentário: