sábado, 28 de abril de 2018

NOTA CURITIBANA DIVULGA BILHETES PREMIADOS. CONFIRA OS NÚMEROS GANHADORES



Às 9h28 desta sexta-feira (27/4) o software do Nota Curitibana concluiu o processamento automatizado que durou 13 segundos e selecionou os 15.003 premiados no segundo sorteio do programa de estímulo à emissão de notas fiscais no setor de serviços criado pela Prefeitura.


Os três primeiros desta extensa lista vão receber, respectivamente, R$ 50 mil, R$ 20 mil e R$ 10 mil – os prêmios principais, que saíram, pela ordem, para os bilhetes 278177, 166029 e 401054.


A equipe do Nota procede agora à verificação dos CPFs associados aos bilhetes, a auditoria responsável fará a rechecagem de todo o processo e o nome dos felizardos será divulgado até o dia 4 de maio, bem como o dos demais 15 mil premiados com R$ 10,00.


Os participantes do programa, no entanto, já podem verificar no site se entre os bilhetes emitidos com seu CPF encontram-se um dos três prêmios principais.


No total, o programa distribui mensalmente R$ 230 mil. 


Segurança


O procedimento do sorteio é cercado de segurança. O computador que roda o software fica guardado em um cofre, do qual só é retirado para o sorteio mensal. Ele é de uso exclusivo para este fim, não tendo acesso à internet e também não roda nenhum outro tipo de programa ou informação, evitando assim a ação de hackers.


O processamento digital em si é bastante rápido (o tempo de o software rodar as informações). A sessão toda do sorteio durou 17 minutos, contando todos os procedimentos. A Maciel Auditores faz acompanhamento do processo e, após sua finalização, a rechecagem antes da divulgação oficial dos nomes vencedores.


O sorteio foi presidido por Mario Nakatani Jr, coordenador do Nota Curitibana, e contou com participação da diretora de rendas mobiliárias da secretaria municipal de Planejamento, Finanças e Orçamento, Miriam Feuerharmel, do auditor Jonathan Ignacheski (da Maciel), do auditor fiscal da secretaria de Finanças Fabio Sansana e de Ilson Lins da Silva (da área de tecnologia do município).

Nenhum comentário: