quarta-feira, 19 de julho de 2017

CORPOS DE CASAL DESAPARECIDO HÁ 75 ANOS SÃO ACHADOS EM GELEIRA NA SUÍÇA

Divulgação/Glacier 3000/AFP 
Restos mortais de casal desaparecido há 75 anos encontrados em geleira suíça



DA REUTERS18/07/2017 14h08
Compartilhar982

Mais opções


Os corpos congelados de um casal suíço que desapareceu há 75 anos nos Alpes foram encontrados em uma geleira que está encolhendo, relatou a mídia suíça nesta terça-feira (18).

Marcelin e Francine Dumoulin, pais de sete filhos, tinham saído para tirar leite de suas vacas em um campo no vilarejo de Chandolin, no distrito de Valais, no dia 15 de agosto de 1942.

"Nós passamos nossas vidas inteiras procurando por eles, sem parar. Nós pensávamos que poderíamos dar a eles o funeral que mereciam um dia", disse a filha mais nova do casal, Marceline Udry-Dumoulin, 79, ao jornal "Le Matin".

"Eu posso dizer que após 75 anos de espera essa notícia me dá um profundo sentimento de calma", acrescentou.

Em um comunicado durante a noite, a polícia de Valais disse que dois corpos com documentos de identidade foram descobertos na última semana por um trabalhador na geleira Tsanfleuron perto de um teleférico de esqui sobre o resort Les Diablerets a uma altitude de 2.615 metros.

Testes de DNA serão realizados para confirmar a identidade do casal.

"Os corpos estavam deitados um ao lado do outro. Era um homem e uma mulher usando roupas datadas do período da Segunda Guerra Mundial", disse ao jornal Bernhard Tschannen, diretor da empresa de teleféricos Glacier 3000.

"Eles estavam perfeitamente preservados na geleira e seus pertences estavam intactos".

"Nós pensamos que eles podem ter caído dentro de uma fenda, onde eles ficaram por décadas. Na medida que a geleira recuou, ela revelou seus corpos", disse ao jornal "Tribune de Geneve". 

Nenhum comentário: