quarta-feira, 27 de julho de 2016

Michel Temer convoca a imprensa para vê-lo buscar filho na escola

Michel Temer convoca a mídia para vê-lo buscar filho na escola. Presença da imprensa irritou pais de outros alunos. "Palhaçada, vão atrás dos corruptos, ele é só uma criança", reclamou uma mãe, sem saber que o próprio presidente interino havia convocado os jornalistas

(Imagem: Michel Temer foi buscar o filho na escola acompanhado da esposa, Marcela. O presidente interino convocou a imprensa para registrar o ‘episódio’)

O presidente interino Michel Temer colocou nesta terça-feira (26) na mira das câmeras o filho caçula Michel, de 7 anos. A movimentação da imprensa na Escola das Nações, no Lago Sul, em Brasília, irritou alguns pais e alunos.

“Por que vocês não vão atrás dos corruptos, ele é só uma criança”, questionava uma mãe que não se identificou, sem saber que o próprio presidente interino havia convocado os jornalistas para vê-lo buscar o garoto na escola.

Outra mãe que veio buscar os filhos afirmou que está causando irritação e mal estar a presença do filho do presidente e o assédio no local.

A imprensa foi avisada pela assessoria do governo que Temer buscaria Michelzinho na escola e que imagens poderiam ser feitas. Animadas com as câmeras de TV, algumas crianças começaram a chamar a atenção e dizer que “os mais importantes estão aqui”, referindo-se à suposta qualidade do colégio.

Temer não falou com a imprensa, mas acenou para as lentes da mídia enquanto conversava com o filho.

Questionado se viria buscar Michelzinho todos os dias, Temer respondeu: “Só hoje, só hoje”.

A equipe de imagens oficiais da Presidência acompanhou Temer e Marcela na busca do garoto.

Depois que assumiu interinamente a presidência, Temer decidiu trazer a família de São Paulo para Brasília e então matriculou o filho no tradicional colégio.

Nenhum comentário: